Produção de mudas nativas

A Associação Caatinga, em parceria com a Universidade Federal do Ceará, desenvolveu o protocolo para a produção de mudas de 37 diferentes espécies arbóreas da caatinga que podem ser destinadas a ambientes abertos, em regeneração, de mata ciliar, de nascentes e demais Áreas de Preservação Permanente (APPs). Ao longo da sua experiência com projetos de reflorestamento, a Associação Caatinga desenvolveu uma metodologia de plantio de mudas nativas de espécies florestais do semi-árido e região de tabuleiro litorâneo.

Serviços:
• Comercialização de sementes de espécies florestais da Caatinga;
• Comercialização de mudas de espécies florestais da Caatinga;
• Cursos de capacitação em produção de mudas de espécies nativas da caatinga e implantação de viveiros de mudas no semiárido.

Lista de sementes e mudas da caatinga produzida:

Nome comum Nome científico
Angico Anadenanthera colubrina
Aroeira Myracrodrun urundeuva
Amburana de cheiro Amburana cearensis
Barriguda Chorisia glaziovii
Braúna Schinopsis brasiliensis
Carnaúba Copernicia prunifera
Cedro Cedrela odorata
Canafistula Senna spectabilis
Catanduva Piptadenia moniliformis
Cajá Spondias mombin
Catingueira Caelsapinia pyramidalis
Copaíba Copaifera langsdorffii
Coronha Acácia farnesiana
Frei jorge Cordia trichotoma
Ipê roxo Tabebuia impetiginosa
Ipê amarelo Tabebuia Alba
Ingá bravo Lonchocarpus sericeus
Jatobá Hymenea courbaril
Jucá Caesalpinia férrea var. férrea
Juazeiro Ziziphus joazeiro
Jurema branca Mimosa artemisiana
Jurema preta Mimosa tenuiflora
Mororó Bauhinia SP
Mutamba Grazuma ulmifolia
Mulungu Erythrina velutina
Muquem Albizia inundata mart
Oiticica Licania rígida
Pacote Cochlospermum vitifolium(willd.) spreng
Pitomba Talisia esculenta
Pau mocó Luetizelburgia auriculata (allemão) ducke
Pajaú Triplaris gardneriana
Pereiro Aspidosperma pyrifolium
Sabiá Mimosa caesalpiniifolia
Sabonete Sapinndus saponaria
Tamboril Enterolobium contortisiliquum
Trapiá Crataeva tapia
Umbu Spondias tuberosa
Violete Dalbergia cearensis